INNOVATION AND EXCELLENCE SINCE 1992
Início
  >  
Categorias
  >  
Anti-idade
  >  
Stem Cells Activator
Stem Cells Activator
Stem Cells Activator
Fórmula otimizada para ativar naturalmente as células estaminais
  • Reúne as substâncias estudadas para as células estaminais adultas da medula óssea.
  • Grande esperança para o aumento da duração média de vida e da sua qualidade.
see review

Quantidade : 120 Cáps. veg. 79.00 €
(92.90 US$)
juntar ao cesto

+Certificado de Análise

A terapia com células estaminais constitui em simultâneo um avanço médico considerável e uma grande esperança na luta contra as afeções degenerativas para as quais a medicina clássica apenas obtém muitas vezes resultados efémeros ou transitórios.
Hoje em dia, em alguns países, é possível recorrer a injeções de células estaminais adultas, extraídas de medula óssea ou “cultivadas” após colheita nos adipócitos; contudo, a aplicação generalizada deste método é ainda uma realidade longíngua, devido ao seu custo e complexidade.

Lutar contra o envelhecimento celular graças às células estaminais

¤ É todo o interesse dos estudos realizados nos últimos anos por determinados investigadores que conseguiram – graças à utilização de nutrientes e de extratos de plantas – estimular e aumentar a quantidade de células estaminais adultas da medula óssea.

¤ É, de facto, a medula óssea que os cientistas privilegiam para obter esta atividade de regeneração dado que, todos os dias, estas células evoluem produzindo novas linhagens de glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas. As células maduras são então depositadas na corrente sanguínea, onde exercem plenamente as suas funções vitais e regenerativas.

Stem Cells Activator, uma formulação anti-idade inovadora

¤ De entre os nutrientes que os trabalhos revelaram como sendo os mais ativos figuram:

• O extrato de Polygonum multiflorum ou FO-TI, aqui utilizado na dose ideal de 800 mg de um extrato 12:1, é conhecido da medicina chinesa como tónico sanguíneo reputado e sobretudo como elemento importante da longevidade, graças à sua capacidade de aumentar os níveis de superóxido dismutase (SOD) e de monoamino-oxidase na circulação sanguínea. De acordo com estudos realizados com ratinhos, em Taiwan, a administração diária de doses consideráveis de Polygonum multiflorum permitiu evidenciar um aumento significativo dos glóbulos vermelhos no sangue e, sobretudo, uma percentagem mais elevada de hematócrito relativamente ao grupo de controlo. Estes estudos mostram também que tais doses estimulam a proliferação das células estaminais do estroma e hematopoiéticas da medula óssea.
• O fucoidano é reconhecido pelas suas propriedades imuno-estimulantes, sendo muito utilizado no Japão para combater o cancro. É extraído de uma variedade de alga, a Laminaria japonica, pertencente à família das laminárias. Este polissacárido sulfatado consegue reforçar o sistema imunitário, ajudá-lo a defender-se mais eficazmente contra os vários vírus e, sobretudo, aumentar a sua capacidade de proteger o organismo, propiciando a apoptose das células cancerosas (a morte celular programa das células).
- À semelhança de outras substâncias extraídas de algas, o fucoidano – numa determinada concentração – evidenciou propriedades de estimulação das células estaminais da medula óssea. De acordo com alguns estudos, o fucoidano originou um aumento da atividade da fosfatase alcalina e, a nível molecular, melhorou a expressão de genes específicos da osteogénese e da diferenciação osteogénica, propiciando assim a regeneração óssea.
- Deste modo, o fucoidano, ao agir diretamente na mobilização das células estaminais, vai permitir uma melhor reparação dos tecidos lesionados, tanto ao nível cardiovascular, na sequência de um enfarte, como ao nível das articulações ou dos órgãos vitais.
• O astragalósido IV é já reconhecido pela sua atividade no alongamento dos telómeros. As investigações mostraram que esta saponina estimula o sistema imunitário de várias formas, nomeadamente aumentando o número de células estaminais na espinal medula e nos tecidos linfáticos e propiciando o seu desenvolvimento em células imunitárias ativas.
- O astragalósido IV sustenta igualmente a proliferação das células estaminais mesenquimais – células estaminais pluripotentes que dão origem aos tecidos conjuntivos do esqueleto, como os ossos ou as cartilagens.
• O extrato de mirtilo (Vaccinium uliginosum) pode prevenir e restabelecer determinadas funções celulares que declinam ao longo do tempo. Aumenta a neurogénese no cérebro de ratos idosos. Alguns investigadores experimentaram um transplante de tecido neural na sequência de danos celulares originados por uma doença neurodegenerativa ou uma lesão cerebral. Regra geral, os tecidos transplantados têm muito poucas hipóteses de sobrevivência, em particular se os recetores são idosos. Mas, quando os animais foram alimentados com uma dieta suplementada com extrato de mirtilo, o crescimento do transplante e a organização celular foram comparáveis aos observados nos recetores mais jovens. Os extratos de mirtilo exercem certamente os seus efeitos benéficos aumentando a proliferação das células estaminais neurais.
• O beta glucano 1,3/1,6 é um polissacárido extraído da aveia. A maioria das investigações evidenciaram os seus potentes efeitos imuno-moduladores. Estudos mais recentes permitiram sugerir que o beta glucano 1,3/1,6 propiciaria a hematopoiese e reforçaria a proliferação das células estaminais, facilitando assim a reparação dos glóbulos brancos na medula óssea.
• A L-carnosina melhora a capacidade de replicação em culturas de mioblastos.
- Alguns mioblastos, denominados células satélites, mantêm-se na periferia das fibras musculares e intervêm na reparação dessas fibras quando estas são danificadas. Contudo, com o avanço da idade, pode instalar-se uma sarcopenia e as células satélites deixam de conseguir reparar os danos. De acordo com um estudo efetuado nos mioblastos – as células estaminais responsáveis pela formação dos músculos esqueléticos – o aporte de L-carnosina permite aumentar a sua capacidade de replicação e, também, reduzir a atividade da beta-galactosidase.

¤ Os estudos epidemiológicos mostram que uma alimentação rica em fruta e legumes coloridos, fontes de polifenóis, pode reduzir o risco de desenvolver doenças neurodegenerativas, como a deficiência cognitiva, a demência, a doença de Parkinson ou a doença de Alzheimer. Alguns estudos mostraram que determinadas substâncias naturais podem ter efeitos nas células estaminais adultas e, por essa razão, aumentar a neurogénese e melhorar as capacidades cognitivas. Por conseguinte, alguns investigadores testaram uma sinergia de constituintes associando extratos de mirtilo, chá verde, L-carnosina e vitamina D3. A administração a ratos desta mistura única de constituintes reduziu nitidamente o stress oxidativo, e – acima de tudo – comprovou a sua capacidade de propiciar a multiplicação e a migração das células estaminais neurais para as células cerebrais danificadas (por exemplo, na sequência de um acidente vascular cerebral isquémico).

Embora as células estaminais sejam muito estudadas no âmbito da medicina anti-idade, existem outras pistas que revelaram igualmente resultados positivos no combate aos efeitos do envelhecimento. É, por exemplo, possível estimular o metabolismo celular através de um suplemento em nicotinamida riboside . Os cientistas encontraram igualmente um meio para reparar o ADN danificado graças a determinadas moléculas como a AC-11®

Que podemos esperar ao utilizar Stem Cells Activator?
• um aumento do tempo médio de vida e da sua qualidade, consequência direta do aumento da capacidade de replicação celular;
• uma redução do processo de défice das funções imunitárias que leva a uma vulnerabilidade acrescida às infecções, às inflamações crónicas e às doenças degenerativas;
• uma melhoria das condições e das dores associadas às afeções degenerativas.
Aquilo que não passava da esperança ou visão de alguns acaba de ganhar o prémio Nobel da medicina 2012 e será uma realidade num futuro próximo…
Dose diária: 4 cápsulas
Nombre de doses par boîte : 30
Quantidade por dose
Extrato de Polygonum multiflorum 12:1 800 mg
Fucoidano (de 375 mg de extrato de Laminaria japonica normalizado a 80% de fucoidano) 300 mg
Extrato de mirtilo (Vaccinium uliginosum) normalizado a 25% de antocianidinas 250 mg
Beta glucanos 1,3/1,6 (de 215 mg de extrato de aveia normalizado a 70% de beta glucanos 1,3/1,6) 150 mg
Extracto de chá verde normalizado a 95% de polifenóis, de entre elas 75% de catequinas incluindo 45% de EGCG 150 mg
L-carnosina 50 mg
Astragalósido IV (de 21 mg de extrato de Astragalus membranaceous normalizado a 98% de astragalósido IV) 20 mg
Vitamina D3 400 UI
Outros ingredientes: Goma-arábica, farinha de arroz.


Adultos. Tomar 2 cápsulas de manhã e 2 cápsulas à noite.

Precauções: Não exceda a dose diária recomendada. Este produto é um suplemento nutricional que não devem substituir uma dieta variada e equilibrada. Manter fora do alcance das crianças. Armazenar longe de luz, calor e umidade. Como com qualquer suplemento nutricional, consulte um profissional de saúde antes de usar se estiver grávida, amamentando ou se você tiver um problema de saúde.
 
Descubra alguns testemunhos dos nossos clientes

Gratuito

Obrigado pela sua visita; antes de partir

INSCREVA-SE NO
Club SuperSmart
E beneficie
de vantagens exclusivas:
Continuar as minhas compras
keyboard_arrow_up