0
pt
US
SuperSmartSuper-nutrition Blog
X
× SuperSmart Comprar por problema de saude Comprar por ingrediente As melhores vendas Novidades Promoção A minha conta Smart Prescription Blog Programa de fidelização Idioma: Português
Início Comprar por problema de saude Anti-idade Nicotinamide Mononucleotide + AMPK Booster
Nicotinamide Mononucleotide + AMPK Booster
Nicotinamide Mononucleotide + AMPK Booster Nicotinamide Mononucleotide + AMPK Booster Nicotinamide Mononucleotide + AMPK Booster
Nicotinamide Mononucleotide + AMPK Booster
Anti-idade Opiniões de clientes
80.00 €(89.15 US$) em stock
Descrição
Suplemento de nicotinamida mononucleotídeo (NMN) para a longevidade
  • Pode melhorar a resposta metabólica ao envelhecimento.
  • Implicado nos benefícios proporcionados pela restrição calórica.
  • Suscetível de inverter o envelhecimento vascular.
A enzima celular que propicia a longevidade e reduz a acumulação de gorduras.
-
+
juntar ao cesto
Lista de desejos
AMPK Booster

AMPK Booster, uma fórmula para proteger o organismo

O nosso suplemento alimentar AMPK Booster foi desenvolvido para apoiar o organismo face a diferentes distúrbios. Com efeito, o equilíbrio do organismo pode ser afetado por diferentes fatores externos. É, por exemplo, o caso da alimentação, que pode ter importantes consequências no bem-estar e na saúde do organismo. A longo prazo, uma má alimentação pode causar disfunções, como uma má assimilação de açúcar e gorduras, uma acumulação de resíduos celulares ou uma alteração de alguns genes.

Para combater o declínio do metabolismo e prevenir o aparecimento de complicações, foram realizados numerosos estudos. Muitos deles incidiram na atividade de uma enzima bem específica: a AMPK (adenosine monophosphate-activated protein kinase). Segundo os investigadores, a atividade desta enzima é benéfica para proteger o organismo e prevenir certas doenças, entre as quais a diabetes de tipo 2. É por isso que o nosso suplemento alimentar tem como objetivo aumentar a atividade da AMPK.

Uma enzima fundamental para o metabolismo energético

A AMPK é uma enzima presente naturalmente no corpo humano. Encontramo-la em diferentes tecidos, designadamente perto do fígado e do cérebro. Ao intervir na regulação de vários sistemas intracelulares, esta enzima desempenha um papel fundamental na homeostasia energética. É, aliás, por essa razão que a AMPK é, por vezes, considerada uma enzima da longevidade, que contribui para o bom funcionamento do organismo.

Infelizmente, a atividade desta enzima diminui ao longo do tempo, tendendo a favorecer o ganho de peso e o aparecimento de certas doenças. Para evitar essa diminuição de atividade, o nosso suplemento foi concebido para aumentar a atividade da AMPK e, assim, capitalizar os benefícios desta enzima.

Aumentar a atividade da AMPK graças a três plantas

A fim de favorecer a atividade da AMPK, o nosso produto junta, numa única cápsula, três extratos de plantas conhecidas pelos seus efeitos benéficos sobre esta enzima. Estas plantas são a uva-espim (Berberis vulgaris), o jiaogulan (Gynostemma pentaphyllum) e uma espécie de buxo (Buxus sinica).

A uva-espim contém um alcaloide mais conhecido sob o nome de berberina. Conhecida pelo seu uso nas medicinas chinesa e aiurvédica, esta molécula revelou-se eficaz para ativar ou reativar a AMPK. O seu efeito ativador confere-lhe, aliás, vários benefícios para o organismo, nomeadamente para a normalização do metabolismo energético e para a regulação da ingestão de alimentos e da sensibilidade dos tecidos. Segundo determinados investigadores, a berberina da uva-espim pode assim desempenhar um papel importante na prevenção de doenças metabólicas como a obesidade ou a diabetes.

O jiaogulan é, por vezes, chamado “erva-da-imortalidade". Esta planta deve essa designação à sua composição em ginsenosídeos e às suas propriedades antienvelhecimento. Com efeito, os pesquisadores atribuem-lhe efeitos antioxidantes, adaptógenos, antiateromatosos e anti-hipertensivos. Além disso, permite ativar a AMPK.

O buxo (Buxus sinica) despertou o interesse da comunidade devido à sua composição em fisetina. Segundo os estudos mais recentes, este flavonoide possui não só uma ação restauradora da AMPK, mas também uma atividade antitumoral e antiangiogénica.

Uma formulação antienvelhecimento natural

Tendo em conta o papel da AMPK no organismo, aumentar a sua atividade parece essencial. Para tal, o nosso novo produto destina-se a ativar ou reativar a AMPK graças à ação da uva-espim, do jiaogulan e do buxo (Buxus sinica). Tendo já dado as suas provas, estes extratos vegetais permitem propor uma formulação natural e eficaz para proteger o organismo. O suplemento alimentar AMPK Booster está disponível com uma dosagem de duas cápsulas ao almoço e uma cápsula ao jantar. Outros extratos naturais poderão suscitar o seu interesse para melhorar o estado geral do seu organismo e combater o envelhecimento: Astragalus Extract e Reishi Extract.

ComposiçãoAMPK Booster
Dose diária: 3 cápsulas
Número de doses por caixa: 30
Quantidade por dose
Extracto de Gynostemma pentaphyllum normalizado a 98% de gipenósidos 550 mg
Extracto de Berberis vulgaris normalizado a 97% de berberina 600 mg
Extracto de Buxus sinica normalizado a 98% de fisetina 70 mg
Outros ingredientes: Goma-arábica, farinha de arroz.
Conselhos de utilizaçãoAMPK Booster
Adultos. Tomar duas cápsulas ao almoço e uma cápsula ao jantar.
Nicotinamide Mononucleotide 125 mgEncontrar uma forma de travar o processo de envelhecimento é um sonho transgeracional. Este sonho pode muito bem tornar-se realidade desde que cientistas australianos e americanos acreditam ter encontrado um meio, não de fomentar uma “pausa”, mas sim de inverter o processo!

O mononucleotídeo de nicotinamida (NMN) é um precursor da biossíntese de NAD+ (nicotinamida adenina dinucleótido) e de NADH. Esta nova substância não deve ser confundida com outras já existentes no mercado, como o ribosídeo de nicotinamida (NR), apesar de algumas propriedades lhe serem comuns, em particular ao nível dos gene. O NMN é muito mais potente do que o NR.

Ensaios experimentais portadores de esperança para combater o envelhecimento

O NMN foi objecto de uma experimentação conduzida na Harvard Medical School pelo Prof. David Sinclair. Foi administrado a modelos de ratinhos e permitiu obter resultados clínicos impressionantes que poderiam dar origem a novos tratamentos contra o envelhecimento e as doenças ligadas à idade (cancro e diabetes de tipo 2).
O Prof. Sinclair e seus colaboradores injectaram esta substância rara em modelos de ratinhos com dois anos de idade. Constataram, decorrida apenas uma semana de tratamento, melhorias impressionantes ao nível muscular (redução da atrofia muscular), uma melhoria da resistência à insulina e uma redução da inflamação – que tornava impossível distinguir estes ratinhos de animais jovens. O Dr. Nigel Turner, farmacólogo na Universidade australiana NSW, afirmou a este propósito: “É como se um homem de sessenta anos se parecesse, em determinados aspectos, a um jovem de vinte anos.” E o Prof. Sinclair acrescentou: “Se estes resultados se mantiverem, o envelhecimento pode ser uma condição reversível, quando tratado rapidamente.”

Restabelecer a comunicação entre as mitocôndrias e o núcleo celular

As mitocôndrias estão no cerne do problema. Quando deixam de comunicar harmoniosamente entre si e com o núcleo celular, é um pouco como se as células ficassem sem a sua bateria energética, o núcleo celular atrofia e o envelhecimento aparece inevitavelmente.
Para o Prof. David Sinclair “O processo de envelhecimento é como um casal casado – quando os esposos são jovens comunicam bem, mas com o avançar do tempo, a comunicação deteriora-se. E tal como num casal, o restabelecimento da comunicação resolve o problema.”
Assim, para este investigador, o declínio da função e da comunicação mitocondrial é um fenómeno reversível! Ele explica que o NAD+ é o pilar central da comunicação celular. Este diminui significativamente com a idade e, para evitar a sua perda, apenas se conhecia até hoje o exercício físico intenso ou a restrição calórica.
No seu relatório publicado na revista Cell, os investigadores estabeleceram assim claramente que a injecção de NMN no modelo animal se transforma em NAD por forma a reparar os canais de comunicação alterados num período de tempo muito curto, ou seja menos de uma semana.
O relatório de actividade estabelecido pelo Prof. Sinclair, que esteve na origem dos estudos sobre o resveratrol, evidenciou que o NMN conseguia activar o conjunto dos sete genes SIRT envolvidos no prolongamento da longevidade.
O Prof. Sinclair considera portanto que o mononucleotídeo de nicotinamida está na origem de uma nova classe de “superdrug” que poderá prevenir o cancro (por inibição de HIF-1, uma molécula que interfere na comunicação intracelular e desempenha um papel no cancro) ou a doença de Parkinson e permitirá aumentar a esperança de vida até aos cento e cinquenta anos!

O que é o NAD+?

O NAD+ é uma coenzima de oxirredução presente em todas as células vivas. É constituída por dois nucleótidos ligados pelo respectivo grupo fosfato. Um nucleótido contém uma adenina, o outro uma nicotinamida. Ajuda as enzimas a transferir os electrões durante as reacções de oxirredução para formar ATP. Serve, portanto, para fornecer energia, mas o seu teor diminui em mais de metade nas células de um organismo idoso. As mitocôndrias produzem menos energia e a célula envelhece. Felizmente, este processo não é irreversível e os mecanismos energéticos intercelulares poderão ser restabelecidos se se aumentarem os níveis de NAD+.
Além disso, o NAD é um co-factor essencial das enzimas chave da longevidade, denominadas sirtuinas, que activa de forma directa. Estas sirtuinas são fundamentais para a esperança de vida, pois desactivam determinados genes que conduzem ao envelhecimento por via do processo inflamatório.
Deste modo, a diminuição conjugada dos níveis de sirtuinas 1 e 3, associada à de NAD+, pode acarretar fenómenos de degenerescência cerebral, de inflamação vascular, fadiga, uma perda de força muscular, uma acumulação de gorduras ao nível hepático e abdominal e uma resistência à insulina, conduzindo directamente à síndrome metabólica.
Todos estes fenómenos podem, por conseguinte, ser invertidos com a restrição calórica ou a toma de um suplemento com mononucleotídeo de nicotinamida.

Uma ajuda específica em caso de diabetes de tipo 2

O NMN permite assim prolongar a esperança de vida, mas é também promissor no tratamento da diabetes de tipo 2. Esta afecção degenerativa está intimamente ligada ao consumo excessivo de calorias e de gorduras que submergem as vias metabólicas adaptativas. Os estudos já realizados sobre esta substância mostram que o NMN melhora a tolerância à glicose restabelecendo os níveis de NAD+ nos ratinhos. Melhora a sensibilidade à insulina a nível hepático, restabelece a expressão dos genes ligados ao stress oxidativo, a resposta inflamatória e o ritmo circadiano, activando SIRT1.

Durante um colóquio sobre biologia do envelhecimento organizado pela Ellisson Medical Foundation, o Dr. Shin-Ichiro Imai demonstrou que as sirtuinas são necessárias para que a restrição calórica possa melhorar a actividade da orexina, uma hormona do cérebro que aumenta a sensibilidade das células à insulina e previne o aumento da gordura corporal. Mas as sirtuinas por si só não são suficientes e para que estes processos benéficos aconteçam, o NAD+ celular deve também existir. Contudo, este último diminui com a idade e com uma dieta rica em lípidos.
A boa nova, anunciada pelo Dr. Imai, é que – nos ratinhos que tomaram NMN – os investigadores constataram um aumento da síntese de NAD+, o que sugere que o NMN poderia ser um potencial tratamento para a diabetes de tipo 2.

O mononucleotídeo de nicotinamida, na dose média de 125 mg diários, ou seja, 1 cápsula por dia, poderia assim permitir, tanto no ser humano como nos ratinhos, conseguir uma reversão do processo natural do envelhecimento. Segundo o Prof. Sinclair, esta substância actua rapidamente e poderia também ser vantajoso para os jovens e saudáveis.
ComposiçãoNicotinamide Mononucleotide 125 mg
Dose diária: 1 cápsula
Número de doses por caixa: 30
Quantidade por dose
Mononucleotídeo de nicotinamida 125 mg
Outros ingredientes: goma de acácia
Conselhos de utilizaçãoNicotinamide Mononucleotide 125 mg
Adultos. Tomar 1 cápsula por dia.
Cada cápsula contém 125 mg de mononucleotídeo de nicotinamida.

Pacotes sinergia

Subscreva a nossa newsletter
e ganhe um desconto permanente de 5%
A nossa seleção de artigos
A curcuma desmantela um triturador de proteínas envolvido no cancro

Se se interessa pelas medicinas naturais, não pode ter passado ao lado desta planta a que chamamos “o sol em pó” e que faz as delícias das populações asiáticas há milhares de anos: a curcuma.

A conversa sobre cancro que gostaria de ter lido mais cedo

Alimentação, impacto do stress, causas possíveis das mutações, explicação dos fenómenos… Dois interlocutores exploram em profundidade os recantos do cancro.

Vitamina E: 10 boas razões para se reabastecer!

A vitamina E é bem menos importante que as suas colegas C ou A? Erro! Tem-se todo o interesse em cuidar dos aportes em vitamina E. Porquê? Eis 10 boas razões.

Nicotinamide Mononucleotide + AMPK Booster
-
+
80.00 €
(89.15 US$)
juntar ao cesto
© 1997-2019 Supersmart.com® - Reservados todos os direitos de reprodução
© 1997-2019 Supersmart.com®
Reservados todos os direitos de reprodução
Nortonx
secure