0
pt
US
SuperSmartSuper-nutrition Blog
X
× SuperSmart Comprar por problema de saude Comprar por ingrediente As melhores vendas Novidades Promoção A minha conta Smart Prescription Blog Programa de fidelização Idioma: Português
Início Comprar por problema de saude Digestão e Conforto oro-gastrointestinal Pylori fight + Mastic gum
Pylori fight + Mastic gum Pylori fight + Mastic gum
Pylori fight + Mastic gum Pylori fight + Mastic gum
Pylori fight + Mastic gum
Digestão e Conforto oro-gastrointestinal Opiniões de clientes
44.00 €(48.43 US$) em stock
Descrição

O suplemento Mastic Gum alivia o estômago e ajuda a controlar a bactéria H. Pylori:

  • Restringe ou elimina a H.Pylori;
  • Acalma as dores de estômago e ajuda a reconstruir o epitélio do estômago e duodeno;
  • Proporciona uma boa digestão e refresca o hálito.
O tratamento natural contra Helicobacter pylori
  • contém um probiótico capaz de neutralizar (Lactobacillus reuteri) ;
  • alivia o refluxo gástrico, as dores de estômago, as úlceras e o desconforto gástrico crónico;
  • luta contra uma infecção muito difundida que propicia o cancro do estômago.
-
+
juntar ao cesto
Lista de desejos
bactéria Helicobacter Pylori

A flora intestinal, também designada microbiota intestinal, é um conjunto de microrganismos que vivem nos intestinos e no estômago. Estes microrganismos desempenham um papel crucial na digestão e na defesa do organismo, mas alguns podem revelar-se responsáveis por problemas tenazes, como a estirpe microbiana Helicobacter pylori.

O que é uma infeção causada por Helicobacter pylori?

Esta bactéria vive exclusivamente no estômago humano e é a única conhecida até hoje capaz de sobreviver naturalmente e de se desenvolver num ambiente tão ácido. Estima-se que 80% das úlceras gastroduodenais serão causadas por infeções por H. pylori, mesmo se, na maioria dos casos (70 a 80%), a infeção não se manifeste por qualquer sintoma. A longo prazo, contudo, ela propicia inúmeros sintomas, como a fadiga e o desconforto gástrico crónico, bem como inflamação crónica do estômago e outras patologias como o cancro do estômago. Estima-se, assim, que a bactéria seja responsável por 60 a 90% dos casos de cancros gástricos. De acordo com estas estimativas, a Helicobacter pylori poderia causar mais mortes por ano do que os acidentes rodoviários, pois o cancro do estômago é particularmente mortífero. Enxaquecas, doença de Parkinson, problemas cardiovasculares e determinadas patologias imunitárias foram também associadas à infeção por Helicobacter pylori. Ora, trata-se de um problema, pois estima-se que 25% da população ocidental esteja infetada.

Como saber se contraiu uma infeção por Helicobacter pylori?

Para saber se foi infetado por Helicobacter pylori, deve efetuar testes ou análises médicas. Desta forma é possível identificar os antigenes da bactéria nas fezes, anticorpos desenvolvidos contra a bactéria pelo organismo (a partir de uma colheita de sangue), realizar um teste respiratório ou uma endoscopia ao estômago, sempre com aconselhamento médico.

Como ultrapassar uma infeção por H. Pylori?

Trata-se de uma estirpe bastante tenaz, sendo por isso difícil eliminá-la; em virtude de uma resistência cada vez maior, responde mal ao tratamento antibiótico, que continua a ser a única abordagem da medicina convencional. É responsável pela maioria dos casos de azia, de gastrites e de úlceras gástricas cuja gravidade está bem comprovada. Felizmente, um grupo de investigadores descobriu recentemente as propriedades de uma estirpe bacteriana – Lactobacillus reuteri – e mais precisamente a estirpe inativa DMS 17648, isolada e patenteada pela firma alemã Organo Balance. Esta estirpe microbiana revela-se muito eficaz para combater a Helicobacter pylori, e sem apresentar os riscos da antibioterapia clássica. Tem a particularidade de coagular no estômago, formando coagregados com as bactérias Helicobacter pylori, reduzindo a carga tóxica no estômago e diminuindo o risco de desenvolvimento de uma gastrite ou de uma úlcera gastrointestinal. É a única estirpe, de entre mais de 700 estirpes diferentes de probióticos, reconhecida como sendo o antagonista específico da Helicobacter pylori.

Qual a vantagem relativamente ao tratamento com antibióticos?

Uma vez feita a coagulação no estômago, o agregado é excretado e expelido do corpo pelo tubo digestivo. Por conseguinte, não se verifica qualquer alteração na flora intestinal, como é o caso quando se utilizam antibióticos durante três semanas, ou seja, toda a duração de um protocolo clássico. Por último, é importante notar que a fórmula H. Pylori Fight não provoca episódios de diarreia nem perturbações do paladar, contrariamente aos antibióticos, que não são produtos específicos para combater a Helicobacter pylori.

Quais as vantagens relativamente às outras estirpes de probióticos?

Existe uma tripla vantagem em utilizar esta estirpe relativamente a outras:

  • O produto é perfeitamente estável, incluindo à temperatura ambiente, pois é constituído por células inativas e tornadas resistentes às flutuações do ambiente;
  • A estirpe isolada é a única que apresenta uma especificidade total face à Helicobacter pylori, mas, na realidade, vai muito além desta especificidade, dado que alivia também o desconforto gástrico crónico, determinadas formas de vómitos, dores gastrointestinais, refluxos gástricos, náuseas de origem digestiva, digestões lentas ou dolorosas, inchaços, cãibras e azia;
  • A estirpe consegue resistir à acidez do meio estomacal.

As propriedades do Lactobacillus reuteri foram objeto de dois estudos no ser humano: um testado face a um placebo durante duas semanas com 250 mg/dia, o outro testado em ocultação (ou seja, os participantes não sabiam se estavam a tomar o probiótico ou o placebo), com as mesmas doses. Nos dois casos, os investigadores constataram uma diminuição significativa da carga tóxica de Helicobacter pylori nos sujeitos que apresentavam uma infeção.

O conjunto destes benefícios na esfera digestiva faz de H. Pylori Fight um suplemento nutricional incontornável para melhorar os problemas de estômago e prevenir as doenças associadas à Helicobacter pylori. Trata-se de um dos raros tratamentos naturais para erradicar as infeções por Helicobacter pylori.

Uma vez a bactéria erradicada, a reinfeção é rara. O tratamento pode então ser considerado como definitivo, mas pode ser prolongado com a fórmula Digestive Enzymes, para facilitar a digestão, e com o suplemento natural Mastic Gum para proteger a mucosa gástrica de futuras infeções.

ComposiçãoH. Pylori Fight 100 mg
Dose diária: 2 cápsulas
Número de doses por caixa: 30

Quantidade
por dose

Pylopass™ (Lactobacillus reuteri) 200 mg
Outros ingredientes: Goma-arábica, farelo de arroz. Pylopass™, Organobalance, Alemanha.
Conselhos de utilizaçãoH. Pylori Fight 100 mg
Adultos. Tomar 2 cápsulas por dia.
Cada cápsula contém 100 mg de Pylopass™.
Bagas de Pistacia Lentiscus

O suplemento Mastic Gum é um antissético natural que previne ou elimina a bactéria Helicobacter Pylori de forma a melhorar problemas gastrointestinais.

O que é que os estudos indicam sobre o suplemento Mastic Gum?

  • Vários ensaios clínicos mostraram que a aroeira inibe ou erradica a H.pylori bem como outras bactérias e fungos (Huwez FU, Thirlwell D, Cockayne A, Ala'Aldeen DAA. Mastic gum kills Helicobacter pylori. New England Journal of Medicine 1998; 339(26): 1946).
  • A resina de aroeira é um suplemento nutricional seguro, eficaz e natural, sem efeitos secundários. Tendo em conta a gravidade da infeção por H.pylori, a resina de aroeira deveria ser usada em primeiro lugar, antes de qualquer outra terapia. Uma vez a H. pylori inibida ou erradicada, a função gastrointestinal restabelece-se por si mesma e repõe naturalmente o epitélio gástrico.
  • Os estudos que mostram a eficácia da resina de aroeira contra a H. pylori utilizaram doses de um a dois gramas por dia. Mesmo que não suspeite de H. pylori, a resina de aroeira pode ser utilizada par aliviar as dores de estômago, ajudar a reconstruir o epitélio gástrico ou duodenal, propiciar uma boa digestão e refrescar o hálito.

Porquê optar pela suplementação com Mastic Gum?

Poderia pensar-se a priori que não existe nenhum organismo vivo capaz de resistir, no estômago humano, aos ataques químicos brutais e concertados do ácido clorídrico e das enzimas digestivas. Contudo, alguns microrganismos particularmente tenazes conseguem sobreviver e até desenvolver-se em ambientes tão hostis como este. De entre os mais prevalentes encontra-se a bactéria Helicobacter pylori (H.pylori): acredita-se que esta bactéria infecta até 40% dos estômagos dos indivíduos em todo o mundo.

Tal como o seu nome indica, a H.pylori é uma bactéria de forma helicoidal que se fixa como um saca-rolhas nas células epiteliais próximas do piloro. Sobrevive segregando urease, uma enzima alcalinizante que neutraliza os ácidos gástricos. A infeção por H.pylori está associada às gastrites, às dispepsias e às úlceras péptidas, das quais sabemos agora serem a causa. A forma clássica de erradicação da H.pylori implica uma multiterapia excessivamente pesada e longa com antibióticos e outros medicamentos.

Os efeitos secundários deste tratamento (náuseas, diarreias e alergias) são por vezes difíceis de suportar. Além disso, as bactérias adaptam-se e desenvolvem resistências aos antibióticos. No entanto, existe um produto natural que é utilizado desde a antiguidade como antisséptico e como remédio para as dores de estômago mais diversas: a resina de aroeira (pistacia lentiscus).

ComposiçãoMastic Gum 500 mg
Dose diária: 4 cápsulas
Número de doses por caixa: 15

Quantidade
por dose

Resina de aroeira normalizada para fornecer 35% de ácidos masticónicos 2 g
Outros ingredientes: Goma-arábica, farelo de arroz.

Cada cápsula vegetal de Mastic Gum contém 500 mg de resina de aroeira.
Conselhos de utilizaçãoMastic Gum 500 mg
Tomar entre duas a quatro cápsulas por dia consoante as suas necessidades ou seguir as indicações do seu terapeuta.

Pacotes sinergia

Subscreva a nossa newsletter
e ganhe um desconto permanente de 5%
A nossa seleção de artigos
Quanto tempo devem durar as curas de probióticos?

As curas de probióticos são soluções naturais para reduzir as infecções, combater a inflamação e melhorar a digestão. Mas quanto tempo devem durar?

10 truques para eliminar os inchaços

Tchau barriga inchada, inchaços e outras flatulências! Eis 10 conselhos para recuperar uma barriga lisa e erradicar os problemas relacionados com inchaços.

Porquê e como usar o aloé vera no dia-a-dia!

De certeza que já ouviu falar do aloé vera. Mas será que conhece todos os serviços que esta planta das mil e umas virtudes lhe pode prestar? Eis 10 utilizações do aloé vera nas quais nunca tinha (necessariamente) pensado!

Pylori fight + Mastic gum
-
+
44.00 €
(48.43 US$)
juntar ao cesto
© 1997-2019 Supersmart.com® - Reservados todos os direitos de reprodução
© 1997-2019 Supersmart.com®
Reservados todos os direitos de reprodução
x
secure