0
pt
US
WSM
232202593
O seu carrinho está vazio.
Menu

Os 4 melhores remédios naturais para limpar os rins

Verdadeiras pequenas fábricas de depuração do nosso organismo, os rins são regularmente postos à prova pelos nossos modos de vida contemporâneos. Eis 4 remédios naturais para os limpar.

Como limpar os rins

Chanca piedra: a planta “parte-pedra”

Quando se pondera um detox dos rins, é difícil não ter em conta a Phyllanthus niruri, igualmente conhecida pelos nomes de chanca piedra ou ainda planta parte-pedra, de tal modo este remédio natural parece potente.

Um arbusto do género Phyllanthaceae cujas utilizações etnomédicas se encontram em todo o mundo (tanto na medicina ayurvédica como na chinesa ou da malaia), a chanca piedra é um remédio natural cujos benefícios para os rins, mas também para o fígado, são sustentados por inúmeros estudos (1).

Assim, uma meta análise de 2016 concluiu que os extratos de Phyllanthus niruri possuem, nomeadamente, propriedades anti urolitíase (anti cálculos) e anti-hiperuricemia (contra o excesso de ácido úrico, que pode estar ligado à diminuição da sua eliminação renal) (2).

A planta propiciaria a eliminação, pela urina, do magnésio e do potássio, o que provocaria uma redução significativa dos oxalatos urinários e do ácido úrico. Estes dados precisam ainda de confirmação por meio de outros estudos.

A cavalinha – um dos melhores remédios naturais para limpar os rins?

Verdadeiro fóssil vivo, a cavalinha, Equisetum arvense de seu nome botânico, existe há mais de 250 milhões de anos e é utilizada na Europa há milhares de anos com fins medicinais (3).

Assim, a Agência europeia do medicamento reconhece a sua utilização tradicional como tratamento adjuvante dos problemas menores (4).

De facto, a cavalinha é rica em sílica, em flavonóides (nomeadamente quercetol), em saponinas e em nicotina e teria uma ação diurética, o que a tornaria igualmente um aliado para limpar os rins numa estratégia de detox, em particular associada a uma hidratação significativa do organismo.

O dente-de-leão – uma planta reputada para o detox e a saúde renal

Leitaruga, coroa-de-monge, serralhinha, serralha-branca, de seu nome botânico, Taraxacum officinale, o dente-de-leão é, sem dúvida, uma das plantas medicinais tradicionais europeias que mais jus faz ao seu nome.

Rica em flavonóides, nomeadamente em sais de potássio, em taraxacina, em esteróis, em cumarinas e em inulina, o dente-de-leão aumentaria o volume da urina e permitiria, por essa via, lavar as vias urinárias, o que impediria as bactérias de se fixarem nelas (daí a sua utilização tradicional contra as infeções urinárias) mas também de eliminar mais facilmente e abundantemente o cálcio, os oxalatos, o ácido úrico, etc. (daí a sua utilização tradicional na luta contra os cálculos renais) (6).

Tradicionalmente, o dente-de-leão figura portanto como um dos melhores remédios naturais para limpar os rins.

O noni – este fruto exótico que quer bem aos seus rins

Utilizado há milhares de anos pelos polinésios com fins medicinais, o noni, Morinda citrifolia, beneficia há algumas décadas de um entusiasmo sem precedentes na Europa e nos Estados Unidos. Algumas pessoas fazem dele uma panaceia para tratar inúmeras maleitas (7).

Embora seja necessário realizar estudos mais aprofundados para validar os benefícios deste fruto exótico, vários estudos apontam para o facto de a riqueza do sumo de noni em alcaloides, flavonoides, fenóis, fitoesteróis, saponinas, esteróis, ácido silícico, taninos e triterpenos lhe conferir virtudes diuréticas benéficas para limpar os rins, tal como se verifica com a cavalinha (8).

Uma fórmula sinérgica eficaz concebida para limpar os rins

Determinadas fórmulas sinérgicas permitem-lhe combinar vários remédios naturais tradicionais para limpar os rins; é o caso de Kidney Detox Formula.

Este suplemento alimentar contém, de facto, chanca piedra, cavalinha, dente-de-leão, noni e também glicinato de magnésio e piridoxal-5-fosfato. Uma dose diária de 4 cápsulas de Kidney Detox Formula pode ser um excelente aliado detox como complemento de uma alimentação saudável e equilibrada e de uma hidratação suficiente.

O CONSELHO SUPERSMART

Referências

  1. KHAN, Firoz, HAIDER, Md Faheem, SINGH, Maneesh Kumar, et al.A comprehensive review on kidney stones, its diagnosis and treatment with allopathic and ayurvedic medicines. Urol Nephrol Open Access J, 2019, vol. 7, no 4, p. 69-74.
  2. HARISH, R. et SHIVANANDAPPA, T. Antioxidant activity and hepatoprotective potential of Phyllanthus niruri. Food chemistry, 2006, vol. 95, no 2, p. 180-185.
  3. BOEING, Thaise, TAFARELO MORENO, Karyne Garcia, GASPAROTTO JUNIOR, Arquimedes, et al.Phytochemistry and pharmacology of the genus Equisetum (Equisetaceae): A narrative review of the species with therapeutic potential for kidney diseases. Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine, 2021, vol. 2021.
  4. https://www.vidal.fr/parapharmacie/phytotherapie-plantes/prele-des-champs-equisetum-arvense.html
  5. KARAKUŞ, Ali, DEĞER, Yeter, et YILDIRIM, Serkan. Protective effect of Silybum marianum and Taraxacum officinale extracts against oxidative kidney injuries induced by carbon tetrachloride in rats. Renal failure, 2017, vol. 39, no 1, p. 1-6.
  6. https://www.vidal.fr/parapharmacie/phytotherapie-plantes/pissenlit-taraxacum-officinale.html
  7. DE SOUSA, Beatriz Coutinho, MIGUEL, Camila Botelho, RODRIGUES, Wellington Francisco, et al.Effects of short-term consumption of Morinda citrifolia (Noni) fruit juice on mice intestine, liver and kidney immune modulation. Food and Agricultural Immunology, 2017, vol. 28, no 3, p. 528-542.
  8. MUELLER, Bruce A., SCOTT, Meri K., SOWINSKI, Kevin M., et al.Noni juice (Morinda citrifolia): hidden potential for hyperkalemia?. American Journal of Kidney Diseases, 2000, vol. 35, no 2, p. 310-312.

Palavras-chave

Partilhe

Comentários

Deve estar ligado à sua conta para poder deixar um comentário

Este artigo ainda não foi recomendado; seja o primeiro a dar a sua opinião

Pagamento seguro
32 anos de experiência
Satisfeito
ou reembolsado;
Envio rápido
Consulta gratuita