0
pt
US
X
× SuperSmart Informar-se por pergunta de saúde Artigos novos Artigos populares Visitar a nossa loja A minha conta Smart Prescription Blog Programa de fidelização Idioma: Português
Reforço geral do organismo Dossiers

Ecologia – quais os suplementos que melhor respeitam o ambiente?

Os suplementos alimentares também se comprometem com o nosso bonito planeta azul. Descubra quais os suplementos mais ecológicos que pode escolher para reduzir a sua pegada de carbono e o seu impacto nos ecossistemas.
Adulto a entregar o planeta Terra a uma criança
Aposte em suplementos mais ecológicos para preservar melhor o planeta e a vida das gerações futuras.
Rédaction Supersmart.
2021-04-21Comentários (0)

Porquê consumir suplementos que respeitam o ambiente?

Face ao aquecimento global, ao esgotamento dos recursos naturais ou à extinção de certas espécies, a problemática ambiental assume agora um lugar de destaque nas nossas sociedades (1-2). Afetando profundamente os nossos modelos económicos e sociais, esta problemática exige propostas novas da parte de todos os setores de atividade para dar uma resposta eficaz aos desafios futuros.

Face a esta constatação, determinados fabricantes de suplementos alimentares seguem o caminho da transição ecológica, sugerindo fórmulas mais amigas do ambiente. São postas em prática diferentes estratégias de ação: limitação dos produtos de origem animal, prioridade dada aos circuitos de curta distância, recurso à agricultura biológica e sustentável…

Os suplementos alimentares provenientes da pesca sustentável

O mar – um recurso inesgotável? Nem por isso. Práticas como a pesca intensiva, a pesca de arrasto ou a captura de espécies ameaçadas são nocivas para a regeneração natural dos ecossistemas marinhos. Para compensar este fenómeno, a pesca sustentável visa manter a perenidade do capital marinho. Preconiza, nomeadamente, uma pesca mais seletiva, respeitando as estações, sem usar métodos destrutivos para o ambiente aquático. Uma iniciativa que os suplementos alimentares ecológicos tentam valorizar!

Um exemplo? Os suplementos de ómega 3. Os ácidos gordos poli-insaturados EPA e DHA, de origem marinha, são extraídos, maioritariamente, de peixes gordos (3). O recurso à pesca sustentável garante, assim o respeito pelas quotas e por um caderno de encargos exigente. Os suplementos à base de óleo de peixe certificado Friend of the Sea® (como Super Omega 3) evidenciam um verdadeiro compromisso a favor das zonas marinhas.

Uma alternativa engenhosa às sardinhas e cavalas, o calanus representa um recurso biológico absolutamente considerável em termos de biomassa. Recolhido no mar Ártico, esta espécie de zooplâncton está integrada na estratégia bioeconómica dos países escandinavos. O seu óleo benéfico para o coração está a conquistar um lugar de destaque entre os suplementos de ómega 3 (como o testemunha o suplemento Arctic Plankton Oil) (4).

Menos conhecido do grande público, o ácido palmitoleico (ómega 7) é um ácido gordo mono-insaturado que está a tornar relativamente raro tanto no reino animal como no reino vegetal (5). Presente na noz de macadâmia ou nas bagas de espinheiro, existe também nas anchovas numa proporção notável. Privilegiar uma exploração sustentável e, preferencialmente, selvagem (à semelhança do extrato de peixes Provinal® que integra o suplemento Palmitoleic Acid) constitui uma opção ecológica esclarecida.

Os suplementos de origem vegetal (100 % veganos)

De uma forma geral, o recurso maciço aos produtos de origem animal pesa muito na nossa pegada ambiental. Na agricultura francesa, por exemplo, 75% das emissões de gases com efeito de estufa são provenientes da criação de gado. O problema da desflorestação coloca-se igualmente em muitos países; os terrenos arborizados são desbravados para dar origem a novas áreas de pastagem ou para cultivar cereais destinadas à alimentação do gado.

Hoje em dia, os suplementos alimentares procuram mudar as coisas sugerindo fórmulas totalmente veganas, dando primazia às substâncias vegetais (como CDP Choline, Cran-Max® ou Triple C).

Ingredientes de origem animal para a vitamina D? É possível fazer melhor! Embora os suplementos de vitamina D3 assentem no óleo de fígado de bacalhau ou na lanolina extraída da lã de ovelha, começam a surgir fórmulas vegetarianas inovadoras (6). Alguns suplementos viram-se, por conseguinte, para as algas marinhas sem OGM (como Vegan D3). Uma boa razão para deixar os animais sossegados.

Certos fabricantes vão ainda mais longe, analisando de perto as técnicas de recolha. Ao preservar a integridade dos caules principais e das raízes, permite-se que algumas espécies voltem a regenerar-se. A garra-do-diabo usada em Super Harpagophytum é alvo de uma colheita enquadrada e sustentável, realizada de forma tradicional pelos membros da tribo Khwe. Lembramos que esta planta é conhecida por contribuir para apoiar o apetite e a saúde digestiva.

O bio e o local ao serviço de suplementos mais verdes

Abuso de pesticidas, uso de produtos químicos, OGM… A agricultura biológica erradica estas várias práticas da sua ação para preservar tanto a saúde humana como a biodiversidade (7). Do mesmo modo que os nossos pratos entram cada vez mais em modo bio, muitos suplementos juntam-se também a este movimento (como por exemplo Organic Moringa Leaf, à base de folhas de moringa biológica).

Os adeptos do “local” podem ficar descansados; os circuitos de curta distância são igualmente privilegiados. Ao reduzir a pegada energética ligada ao transporte, minimizar os intermediários e restituir a ligação social, os suplementos alimentares “locais” limitam o respetivo impacto ambiental ao mesmo tempo que apoiam a economia local.

A gestão sustentável do óleo de palma

Vamos falar do óleo de palma? Face a uma procura cada vez maior, são vários os milhares de hectares de florestas que são consumidos diariamente no sudeste asiático e em África para plantar estas famosas palmeiras. Por efeitos dominó, a fauna e a flora locais são muito afetadas; a ilustração mais marcante continua a ser a extinção fulgurante dos orangotangos, que são brutalmente desalojados do seu habitat natural (8).

Amplamente fabricados a partir de óleo de palma não sustentável, os suplementos alimentares de P.E.A (um ácido gordo bioativo) contribuem para este flagelo. Felizmente, certos suplementos optaram por óleo de palma obtido de forma sustentável – como P.E.A, cujo óleo é certificado RSPO (Roundtable on Sustainable Palm Oil, ou seja, está em conformidade com a Mesa Redonda sobre o óleo de palma sustentável).

Referências

  1. Naeem S, Chazdon R, Duffy JE, Prager C, Worm B. Biodiversity and human well-being: an essential link for sustainable development. Proc Biol Sci. 2016;283(1844):20162091. doi:10.1098/rspb.2016.2091
  2. Rossati A. Global Warming and Its Health Impact. Int J Occup Environ Med. 2017;8(1):7-20. doi:10.15171/ijoem.2017.963
  3. Swanson D, Block R, Mousa SA. Omega-3 fatty acids EPA and DHA: health benefits throughout life. Adv Nutr. 2012;3(1):1-7. doi:10.3945/an.111.000893
  4. Schots PC, Pedersen AM, Eilertsen KE, Olsen RL, Larsen TS. Possible Health Effects of a Wax Ester Rich Marine Oil. Front Pharmacol. 2020;11:961. Published 2020 Jun 26. doi:10.3389/fphar.2020.00961
  5. Frigolet ME, Gutiérrez-Aguilar R. The Role of the Novel Lipokine Palmitoleic Acid in Health and Disease. Adv Nutr. 2017;8(1):173S-181S. Published 2017 Jan 17. doi:10.3945/an.115.011130
  6. Jäpelt RB, Jakobsen J. Vitamin D in plants: a review of occurrence, analysis, and biosynthesis. Front Plant Sci. 2013;4:136. Published 2013 May 13. doi:10.3389/fpls.2013.00136
  7. Mie A, Andersen HR, Gunnarsson S, et al. Human health implications of organic food and organic agriculture: a comprehensive review. Environ Health. 2017;16(1):111. Published 2017 Oct 27. doi:10.1186/s12940-017-0315-4
  8. Giam X. Global biodiversity loss from tropical deforestation. Proc Natl Acad Sci U S A. 2017;114(23):5775-5777. doi:10.1073/pnas.1706264114
Se gostou, partilhe Pinterest

Comentários

Deve estar ligado à sua conta para poder deixar um comentário
Este artigo ainda não foi recomendado; seja o primeiro a dar a sua opinião
A nossa seleção de artigos
Os doshas vata, pitta e kapha
Vata, pitta ou kapha – que alimentos e suplementos deve privilegiar?

É mais vata (vento), pitta (fogo) ou kapha (terra-água)? Descubra qual o tipo de fisiologia e de personalidade que melhor lhe corresponde e quais os alimentos e suplementos que são mais adequados para si.

Campeã do mundo de apneia no mar
Os 3 suplementos preferidos da campeã do mundo de mergulho em apneia

Quais são os suplementos favoritos de Marianna Gillespie, campeã do mundo de apneia? A apneista revela-nos os 3 suplementos SuperSmart que toma para se manter em forma, tanto em competição como no quotidiano.

Bananas, especiarias e outros alimentos ricos em potássio
Falta de potássio – como reconhecer e evitar

O potássio é um mineral essencial para o organismo, envolvido no funcionamento do sistema nervoso, dos músculos… O que significa que uma carência de potássio se pode revelar perigosa. Veja como identificar esta carência e como a solucionar.

Comprimido, copo de água e relógio
Em que altura do dia devo tomar os meus complementos multivitaminas?

Toma um complemento alimentar como Daily 3 e gostaria de saber qual a altura ideal para maximizar a absorção de todos os nutrientes nele contidos? A Supersmart responde-lhe.

Floresta SuperSmart no manguezal
Como a SuperSmart plantou milhares de árvores graças a si

Graças a uma operação realizada em abril de 2021, a SuperSmart fez crescer milhares de árvores em Madagáscar. Descubra os efeitos positivos deste projeto em que muitos de vós participaram.

Plantas ayurvédicas, almofariz e frasco
As 8 plantas medicinais ayurvédicas mais eficazes

Há vários milénios que a medicina ayurvédica se apoia na alimentação e na utilização de plantas para curar o corpo e a mente… E o seu sucesso nunca foi desmentido. Descubra as 8 melhores plantas ayurvédicas que deve conhecer.

Estes produtos devem interessar-lhe

Daily 3®Daily 3®

A fórmula multivitamínica mais completa que podemos tomar numa única cápsula

57.00 €(64.52 US$)
+
Daily 6®Daily 6®

Contém 54 ingredientes! O multinutrientes de muito largo espectro para uma saúde ideal.

95.00 €(107.53 US$)
+
Liposomal Vitamin C 335 mgLiposomal Vitamin C 335 mg

Forma altamente biodisponível de vitamina C

52.00 €(58.86 US$)
+
Magnesium Orotate 500 mgMagnesium Orotate 500 mg

Uma forma de magnésio com elevada biodisponibilidade

39.00 €(44.14 US$)
+
MethylcobalamineMethylcobalamine

A forma de vitamina B12 mais activa, utilizada preferencialmente para regenerar os neurónios.

22.00 €(24.90 US$)
+
Novo
Adaptogenic PotionAdaptogenic Potion

Uma poção ayurvédica para reforçar a imunidade e eliminar o stress

39.00 €(44.14 US$)
+
Annatto Tocotrienols 50 mgAnnatto Tocotrienols 50 mg

Benéfico para a saúde cardiovascular. 90% de delta-tocotrienóis, a forma de vitamina E com a mais forte actividade biológica.

39.00 €(44.14 US$)
+
© 1997-2021 Supersmart.com® - Reservados todos os direitos de reprodução
© 1997-2021 Supersmart.com®
Reservados todos os direitos de reprodução
Nortonx
secure
Warning
ok