0
pt
US
X
× SuperSmart Informar-se por pergunta de saúde Artigos novos Artigos populares Visitar a nossa loja A minha conta Smart Prescription Blog Programa de fidelização Idioma: Português
Sistema imunitário, Fadiga e Infecções Listas

7 alimentos para reforçar as suas defesas imunitárias

Alimentar-se bem é primordial para melhorar a sua imunidade. Siga este pequeno guia alimentar para ter um sistema imunitário no seu melhor!
Ostras, alho, pimento, iogurte, citrinos e outros alimentos sobre uma mesa de madeira.
Pode contar, por exemplo, com a vitamina C dos citrinos e com os prebióticos do alho.
Rédaction Supersmart.
2020-04-15Comentários (0)

Reforçar a imunidade com os probióticos do iogurte

O iogurte é um produto lácteo fermentado. É rico em probióticos, como os lactobacilos e as bifidobactérias, microrganismos naturalmente presentes na flora intestinal. Ora, esta é uma parte essencial do sistema imunitário. Ingerir iogurtes permite, por conseguinte, enriquecer o microbiota intestinal e melhorar as defesas face aos micróbios (1).

E também: todos os alimentos fermentados, como o kimchi (uma couve coreana), a chucrute e o kefir, contêm probióticos. Além disso, existem complexos de probióticos que podem ser tomados em curas a fim de prevenir as infeções, como Probio Forte e Lactobacillus rhamnosus GG.

Alimentar a flora intestinal com os prebióticos do alho

Antes das bactérias probióticas, existem… os prebióticos. Estes precursores dos probióticos são – também eles – necessários para o desenvolvimento da flora intestinal e, portanto, para o bom estado da nossa imunidade. O alho é rico em prebióticos. É também conhecido pelos seus efeitos antimicrobianos. Este superalimento é ainda mais eficaz na sua forma envelhecida: o alho negro (2). Para tirar o máximo partido dos benefícios do alho negro, aposte num suplemento altamente concentrado, como o ABG10+®.

E também: as cebolas, as alcachofras, os espargos e a chicória contém prebióticos. Salientamos que todos estes alimentos são também ricos em fibras alimentares.

Prevenir o risco infecioso com a vitamina C dos citrinos

A vitamina C é uma das estrelas do inverno: um antioxidante potente, ela apoia o sistema imunitário a vários níveis. Reforça, nomeadamente, as barreiras dos tecidos e ascélulas de defesa do organismo. (3) Os citrinos são todos ricos em vitamina C e a laranja ocupa o primeiro lugar.

E também: a goiaba, os pimentos, o kiwi e as couves contêm também vitamina C. Como complemento de uma alimentação rica em frutas e legumes, tem igualmente a possibilidade muito prática de seguir uma cura regular de vitamina C (por exemplo, com Asc2P).

Ativar a imunidade com a vitamina D dos peixes gordos

Salmão, carapau, truta… Além de serem ricos em ómega 3, estes peixes gordos são também verdadeiras minas de vitamina D. Esta vitamina é conhecida por ativar o fabrico das células da imunidade . Estudos realizados mostraram que uma carência em vitamina D poderia tornar o organismo mais vulnerável às agressões microbianas (4).

E também: o óleo de fígado de bacalhau, o leite e a gema de ovo contêm igualmente vitamina D. Pense também nas cápsulas concentradas em vitamina D3, particularmente bem absorvidas pelo organismo (com Vitamin D3 1000 UI).

Regular a inflamação microbiana com o zinco dos crustáceos

O zinco é um oligoelemento necessário para inúmeras funções fisiológicas, entre elas a reação imunitária. Sabemos, na verdade, que uma carência em zinco perturba as mensagens inflamatórias (5) e que a inflamação é uma das defesas utilizadas pelo organismo para fazer face às agressões. Os crustáceos – em particular as ostras – contêm zinco em grandes quantidades.

E também: encontramos também zinco na carne (vaca, vitela, cordeiro), nas sementes de sésamo… Salientamos que o zinco é mais fácil de digerir e mais biodisponível na forma de orotato (opte pelo suplemento ZincOrotate para beneficiar dele).

Lutar contra os vírus com a própolis

Este produto da colmeia é utilizado há vários séculos pelas suas capacidades de estimular o sistema imunitário. Os investigadores demonstraram várias vezes que a reputação que tem está muito bem fundamentada. A própolis é, de facto, um potente desinfetante natural, rico em flavonóides, que oferece uma atividade antiviral preciosa (6). Pode encontrar própolis verde na forma de suplemento nutricional (Green Propolis).

E também: todos os produtos da apiterapia são bons para a sua imunidade. O mel, a geleia real (Organic Royal jelly 4%) e até mesmo o pólen constituem excelentes aliados no quotidiano.

Potenciar as células imunitárias com AHCC dos shitake

O shitake não é apenas um cogumelo delicioso; após a fermentação, contém uma grande quantidade de AHCC (Active Hexose Correlated Compound). Este composto estimula a atividade dos linfócitos assassinos, os glóbulos brancos que ficam hiperativos em caso de infeção (7). Este composto está disponível na forma de extrato puro (por exemplo tomando o suplemento AHCC) para conseguir um efeito ideal.


Estas recomendações não substituem uma consulta médica, caso esteja doente. Em caso de dúvida, não hesite em aconselhar-se com um médico, mesmo à distância, usando técnicas de teleconsulta. Adotar uma alimentação adaptada e optar por suplementos alimentares adequados irá ajudá-lo(a) a potenciar consideravelmente a sua imunidade, de forma natural e eficaz.

Referências

  1. Elmadfa, I., Klein, P., & Meyer, A. (2010). Immune-stimulating effects of lactic acid bacteria in vivo and in vitro. Proceedings of the Nutrition Society, 69(3), 416-420.
  2. Nantz MP, Rowe CA, Muller CE, Creasy RA, Stanilka JM, Percival SS. Supplementation with aged garlic extract improves both NK and γδ-T cell function and reduces the severity of cold and flu symptoms: a randomized, double-blind, placebo-controlled nutrition intervention. Clin Nutr. 2012 Jun;31(3):337-44.
  3. Carr AC, Maggini S. Vitamin C and Immune Function. Nutrients. 2017 Nov 3;9(11).
  4. Mora, J., Iwata, M. & von Andrian, U. Vitamin effects on the immune system: vitamins A and D take centre stage. Nat Rev Immunol 8, 685–698 (2008).
  5. Liu MJ, Bao S, Gálvez-Peralta M, Pyle CJ, Rudawsky AC, Pavlovicz RE, Killilea DW, Li C, Nebert DW, Wewers MD, Knoell DL. ZIP8 regulates host defense through zinc-mediated inhibition of NF-κB. Cell Rep. 2013 Feb 21;3(2):386-400.
  6. In vitro antiviral activity of propolis, M. Amoros, F. Sauvager, L. Girre and M. Cormier, Apidologie, 23 3 (1992) 231-240.
  7. Ritz, Barry W.. “Active Hexose Correlated Compound (AHCC) and Immune Outcomes in Humans: A Review.” (2011).
Se gostou, partilhe Pinterest

Comentários

Deve estar ligado à sua conta para poder deixar um comentário
Este artigo ainda não foi recomendado; seja o primeiro a dar a sua opinião
A nossa seleção de artigos
Frutas e folhas de amargoseira ou neem
Extrato de amargoseira – benefícios na imunidade e como o utilizar

A amargoseira, ou neem, é uma árvore célebre de origem indiana, cujo nome em sânscrito “nimba” significa “que dá boa saúde”. Tem um interesse real para o sistema imunitário e como tirar o melhor partido dela?

Livro antigo e plantas para reforçar o sistema imunitário
Imunidade – 5 plantas excelentes para o sistema imunitário

Consegue citar 5 plantas que contribuem para apoiar as defesas do organismo? Se lhe faltam algumas, descubra o nosso top rápido das plantas benéficas para o sistema imunitário.

Bastonetes de própolis verde rica em benefícios
A própolis – como tirar o melhor partido possível do tesouro da colmeia?

Fabricada pelas abelhas para proteger a colmeia do frio e das doenças, a própolis é um verdadeiro tesouro biológico. Descubra os seus segredos e como tirar o melhor partido dela.

Raízes de ginseng para reforçar o sistema imunitário
Ginseng – a raiz-estrela que ajuda a sustentar a imunidade e a cognição

Já toda a gente ouviu falar do ginseng, o ingrediente nº1 da farmacopeia asiática. Como é que se pronuncia esta palavra, quais são as virtudes associadas a esta planta e a que se devem?

Casal cheio de energia a andar de bicicleta na floresta no outono
Os 3 melhores minerais para o sistema imunitário

Conhece os 3 minerais que contribuem para o funcionamento normal do sistema imunitário, segundo a EFSA (Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos)? Descubra a forma como funcionam e quais os alimentos que deve consumir para deles tirar proveito.

Alimentos ricos em vitaminas, que reforçam o sistema imunitário
As 6 melhores vitaminas para o sistema imunitário

A Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA) estabeleceu a lista das vitaminas que contribuem para o funcionamento normal do sistema imunitário. Descubra estas 6 vitaminas de eficácia inegável e os alimentos nos quais as pode encontrar.

Estes produtos devem interessar-lhe

AHCC 500 mgAHCC 500 mg

O suplemento perfeito de AHCC®

83.00 €(99.28 US$)
+
Organic MycoComplexOrganic MycoComplex

O super complexo de 7 cogumelos medicinais – Shiitake, Chaga, Reishi, Maitaké, Cordyceps, Tametes e Agaricus

38.00 €(45.45 US$)
+
Green Propolis 400 mgGreen Propolis 400 mg

Um antibiótico natural com uma incrível riqueza biológica

47.00 €(56.22 US$)
+
Bacillus subtilisBacillus subtilis

Uma estirpe de bactéria probiótica com capacidade imuno-estimulante confirmada

16.00 €(19.14 US$)
+
Organic Defense MixOrganic Defense Mix

O melhor cocktail de óleos essenciais para combater as infecções

22.00 €(26.31 US$)
+
Organic Royal jelly 4 % 10-HDAOrganic Royal jelly 4 % 10-HDA

Um tesouro natural de vitalidade 100% bio

27.00 €(32.30 US$)
+
Neem Extract 500 mgNeem Extract 500 mg

Extracto 10:1 de Azadirachta indica, aplicações anti-sépticas, antibacterianas, antivirais, anti-inflamatórias e desintoxicantes!

20.00 €(23.92 US$)
+
PP 40PP 40

40 mg de alcalóides raros e potentes extractos de Pau Pereira, libertação prolongada.

73.00 €(87.32 US$)
+
© 1997-2021 Supersmart.com® - Reservados todos os direitos de reprodução
© 1997-2021 Supersmart.com®
Reservados todos os direitos de reprodução
Nortonx
secure
Warning
ok